quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Rebelde com causa




Vou pintar meu cabelo de azul
Para ver se alguém vai olhar
Vou pintar meu cabelo de azul
Para verem que estou a rebelar
Contra o sistema a que estou inserida
E que estou a protestar
Pois como muita gente, sigo calada
Sem sequer ao menos questionar


Trecho do poema rebelde com causa, Mena Moreira.




- Não, eu não vou pintar meu cabelo de azul haha. Só estou querendo mostrar que estou cansada desse mundo programado D:
Eu também queria agradecer, e muito, aos comentários do post passado vocês não tem noção do quanto ajudo, cada um com seu conselho, muuuuito obrigada. Eu ja melhorei e ja (euacho) acredito no amor novamente, pelo menos cada vez que eu vejo meu namorado o amor volta com força.

9 comentários:

Karine disse...

Ou querida!
Saiba que vc tem um Deus que te ama, ele tem um amor incondicional para vc, ele está todos os dias ao seu lado, ele nunca te desamparara, Jesus te ama...
Beijos e abraços e saiba vc nunca estara sozinha.

Gabriela Freitas disse...

Pode contar comigo sempre!
E quem estás cansado?

Hely ° disse...

Estamos aqui sempre...pode contar!

Canseii de bater continência pro
sistema, tô afim de fazer minha
vida!

Bjaum Linda.*.*.

Vanessa Gomes disse...

tens razão querida, muita razão *
adorei o post, dá-me esperanças que também acreditarei no amor novamente*

Capitu disse...

E quem é que não se cansa de um mundo programado?

Bom seria se pudessemos gritar, e neste som ecoasse
todas nossas vontades sem que isto causasse algum espantto..

ps:Ahh eu nunca pintei meu cabelo de azul
mas já senti esta necessidade de fugir as regras e o habitual..


Comum é nos rebelarmos, in(comum) é aceitarmos tudo
de braços cruzados ...

beijoos querida, e feliz por vê-la assim tão bem.

*-*

cecilia disse...

Muitas vezes é preciso pintar o cabelo de azul e sair do mundo programado,só podemos mudar ele se começamos a se mudar,não digo de aparecia,mas de forma de pensar.
Acredite no amor,ele é a mágica da vida.
beijo

AnaM. disse...

não tens de agradecer fofinha *

Gabriela Castanhari disse...

adorei o poema.. li o texto anterior, que bom que os comentárioas ajudaram porque eu já ia me revoltar aqui e falar que você só tem que acreditar no que o destino reserva pra você, amor é o que você mais um dia vai receber, seja do namorado, marido, ou dos filhos... seja sempre grata. E forças ai, beijos s2

NicoleM. disse...

Olá , gostei do post ' e do nome do blog também ashouashou (serápq?)
estou seguindo, pode seguir tbeem?
www.continuo-apenas.blogspot.com